Governo divulga valor do Auxílio Brasil

18
3411

O Auxílio Brasil é um benefício de Transferência de Renda criado para substituir o Programa Bolsa Família. Esse programa visa atender mais pessoas, cerca de 17 milhões de pessoas. Segundo o Ministro da Cidadania João Roma, o benefício será pago a partir de novembro de 2021. Você deve estar se perguntando: Mas, qual será o valor do Auxílio Brasil?

O Novo programa substituto do Bolsa Família terá um reajuste de 20% em relação aos valores médios pagos pelo Bolsa Família. O valor divulgado pelo governo é que as parcelas serão de no mínimo R$400,00.

Governo divulga valor de R$400 por parcela para Novo Programa de Transferência de Renda.

Hoje o valor pago pelo Bolsa Família é de R$189,00 com um reajuste de 20% o valor do Auxílio Brasil passaria a ser R$226,80, entretanto, o ministro Roma argumentou que o benefício não reajustado em cima do valor unitário do benefício.

O Governo está estruturando um benefício transitório que terá funcionamento até dezembro de 2022 para garantir que as famílias beneficiadas não recebam menos de R$400,00. O Ministro também afirmou que quem está na linha pobreza e extrema pobreza e está inscrito no CadÚnico receberá a assistência.

QUEM TEM DIREITO AO AUXÍLIO BRASIL?

Todos os que já se beneficiam do Programa Bolsa Família estão automaticamente inscritos no Auxílio Brasil. Levando em consideração os critérios de direito ao Bolsa Família, o beneficiário precisa cumprir alguns requisitos:

  • Extrema pobreza: famílias que tenham uma renda por pessoa de até R$ 89,00 mensais;
  • Pobreza: famílias com uma renda por pessoa entre R$ 89,01 e R$ 178,00 mensais, desde que ali tenham crianças ou adolescentes de 0 até 17 anos.

Pelo que foi divulgado as regras do Auxílio Brasil não sofreu alterações comparado ao Bolsa Família.

Então, caro leitor, se você ainda não estava inscrito no Programa Bolsa Família e viu que tem direito ao benefício, se inscreva através do CRAS de sua cidade. Confira os artigos abaixo que separamos para te ajudar.

Leia – Bolsa Família: Tipos de benefícios e quem pode receber 

Leia também – CRAS: Conheça o CRAS 

Qualquer dúvida, nos deixe um comentário. Não esqueça de compartilhar com quem precisa dessa informação.

Abraços e até o próximo post.

Artigo anteriorVocê sabe o que é Reserva de Emergência?
Próximo artigoEntenda tudo sobre o abono 14º Salário que poderá ser pago pelo INSS

18 COMENTÁRIOS

  1. E sobre quem tem 50 anos ou mais e não tem registo de carteira e não esta conseguindo trabalho tem direito a algum benefício?
    Ja que foi retirado o auxílio. Como ficará a situação de muitos pois esta muito difícil a inserção ao mercado de trabalho.

  2. Tô inscrita no cadastro único e estou desempregada a quase 2 anos.e ainda não fui incluído no bolsa família. Estou catando reciclagem está difícil as coisas tenho fé que me encaixe nesse auxílio Brasil. Pois tenho uma filha e estamos catando reciclagem.

    • Olá, Luzia.
      Estar inscrita no Cadastro Único não garante o recebimento de nenhum benefício.
      O CadÚnico funciona como “porta de entrada”, mas ainda assim é necessário se inscrever nos programas.
      Cada programa possui uma forma de seleção, pré requisitos e etc. Procure o CRAS de sua cidade para tirar suas dúvidas.
      Um abraço!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui