Bolsa Família – Como se Cadastrar

Se você está buscando um site para poder se cadastrar no Bolsa Família, esse post é para você.

Aqui darei um passo a passo bem prático para que possa iniciar o seu cadastro de maneira simples e direta.

Boa leitura!

Bolsa Família – Como se cadastrar?

– Cadastro Único:

A primeira coisa que você precisa fazer é se cadastrar no Cadastro Único. Para realizar essa inscrição, você precisa comprovar os seguintes itens:

  • Tenha uma renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa, R$ 522,50;
  • Ter renda mensal familiar total de até três salários mínimos, R$ 3.135,00;
  • Possuir uma renda maior do que R$ 3,135,00, desde que o cadastro esteja vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do governo.

Essa inscrição pode ser feita por um membro da família, que irá se tornar um responsável familiar.

Para que você se torne um responsável familiar é necessário ter ao menos 16 anos de idade e que seja do sexo feminino.

Normalmente, os municípios tendem a realizarem visitas domiciliares às famílias de baixa renda periodicamente para efetuar esses cadastro

Bolsa Família: Quais são os requisitos mínimos para fazer parte deste cadastro

A primeira coisa é ter uma pessoa responsável pela família para poder responder às perguntas do cadastro.

Essa pessoa, obviamente precisa fazer parte da família, morar na mesma casa e ter, pelo menos, 16 anos.

Para poder responder as perguntas, são necessários o CPF e o Título de Eleitor.

Se a família for indígena e quilombolas, pode apresentar qualquer outro documento, que não precisa ser o CPF ou o Título de Eleitor.

Bom, depois disso, é preciso apresentar alguns documentos da família, que são:

  • CPF;
  • Certidão de Nascimento;
  • RG;
  • Certidão de Casamento;
  • Certidão Administrativa de Nascimento Indígena (RANI) se for indígena;
  • Título de Eleitor;
  • Carteira de Trabalho;
  • Apresentar um comprovante de residência atual, seja uma conta de energia e água.

– Realizando o seu cadastro:

Agora que você separou os documentos e sabe se pode ou não se cadastrar, você deve seguir esses três passos:

– Cadastro: A sua família precisa se encaixar em uma das faixas de renda que mencionei inicialmente e procurar o setor responsável pelo programa para colocaram o seu nome lá.

– Seleção: Depois do cadastro, o Ministério do Desenvolvimento Social faz a seleção levando em conta os dados que foram apresentados. Essas seleções acontecem mensalmente.

– Pagamento: Se a sua família for aprovada para participar do programa Bolsa Família, já será efetuado o pagamento, automaticamente.

Como eu mencionei em outro post sobre o Bolsa Família, você vai descobrir se foi comtemplado com o benefício, através de uma carta enviada pelo governo.

A partir dali estará datado também qual será o dia que você irá receber o seu benefício e qual é o valor que será enviado.

Assim, mensalmente, você poderá ir até uma casa Lotérica ou ir a Caixa Econômica Federal e retirar o dinheiro.

Vale lembrar que, para realizar a retirada do dinheiro em uma casa lotérica será preciso um comprovante, como RG para que possa retirar o dinheiro.

Isso é importante para saber se o cartão foi roubado, por exemplo.

Caso a carta não tenha chegado na sua casa, entre em contato com o CRAS e que eles poderão lhe informar o que está acontecendo.

Para mais informações, acesse: mds.gov.brcaixa.gov.br

Welbert Lucas
Welbert Lucas
Artigos: 53

0