Bolsa Família – Tipos de benefícios e quem pode receber

O Bolsa família é um programa do governo que distribui um valor para todas as famílias que estão na pobreza ou na extrema pobreza.

Entretanto, o que muitas pessoas ainda não sabem é que existem diversos benefícios que podem serem distribuídos.

Portanto, se você quer saber quais são esses benefícios e quem tem direito, fique comigo que te apresentarei tudo sobre.

Boa leitura!

Bolsa Família – Tipos de benefícios do programa

– Benefício básico:

O benefício básico é o benefício mais comum e é distribuído para as famílias que tem uma renda mensal de até R$ 89 por pessoa.

– Benefício Variável:

As famílias que podem receber o benefício variável são:

  • Famílias que estejam em situação de extrema pobreza (R$ 89,00 por pessoa);
  • Famílias que estejam em situação de pobreza (R$ 89,01 até R$ 178,00 por pessoa);
  • Composição familiar que tenha membros de 0 até 15 anos, gestantes ou nutrizes.

Se for uma gestante, são pagas 9 parcelas para começar a contar no início do pagamento do benefício.

Mas, se a família tiver alguma criança de até seis meses de idade, a família pode receber também um benefício que pode começar a contar a partir da data que o bebê é cadastrado em outro benefício, chamado Benefício Variável Nutriz.

– Benefício Variável Jovem de R$ 48,00?

As famílias que recebem esse benefício são as:

  • Famílias que tenha uma renda mensal de até R$ 178,00 por pessoa e que tenha jovens de 16 e 17 anos como membro da família;

Vale lembrar que cada família pode receber, no máximo, dois benefícios.

Outra coisa que vale a pena lembrar é que esse benefício é distribuído para a família até dezembro do ano em que o jovem completar 18 anos.

Além disso, o jovem precisa estar matriculado na escola e ter, pelo menos, 75% de frequência das aulas

Por fim, esse jovem só pode receber o benefício se estiver cadastrado no Cadastro Único e ter todas as informações que são obrigatórias preenchidas de maneira correta.

– Benefício para a Superação da Extrema Pobreza (Brasil Carinhoso):

Todas as famílias que já são beneficiadas por outros benefícios dentro do Bolsa Família, seja o básico, variável ou variável jovem tem direito a esse benefício.

Ou seja, elas continuam recebendo R$ 89,00 por pessoa.

O que diferencia esse benefício de outros é que aqui não existe um valor fixo.

Na verdade, esse benefício é calculado de acordo com o caso de cada família, para que cada família consiga superar a situação de extrema pobreza e aumentar a renda.

Para saber o valor do Benefício para a Superação da Extrema Pobreza é preciso somar a renda de toda a família com os benefícios recebidos.

Somando esse valor, se o resultado for menor que R$ 89,00, a família tem direito ao BSP.

Suponhamos então que a sua família tenha cinco membros, você deve multiplicar o saldo total de 89 por cada membro, ou seja, por cinco, que será R$ 445,00.

Uma maneira de você saber o quanto você vai receber a mais é subtraindo esse valor de R$ 445,00, pelo valor que a sua família realmente recebe.

Para ainda mais informações, acesse : https://www.caixa.gov.br/programas-sociais/bolsa-familia/Paginas/default.aspx

Welbert Lucas
Welbert Lucas
Artigos: 53

0